Tags

, , ,

Sou apaixonada por música e quando descubro um CD ou um artista que me chamam a atenção, não paro de ouvir suas músicas por semanas. Ultimamente quatro álbuns  lançados no ano passado tem sido figurinha frequente em qualquer playlist que monto:

Artista: Coldplay  / Álbum: Mylo Xyloto /  Lançamento: 24 de outubro de 2011

Coldplay é e sempre foi na minha humilde opinião a maior banda de pop rock do mundo. É praticamente impossível não gostar de pelo menos uma música que os britânicos fazem (eu obviamente não gosto de uma, mas de todas as músicas que os caras já fizeram) e esse álbum embora não fuja do som habitual da banda, tem um significado todo especial para mim. 

As faixas já conhecidas Paradise e Every Teardrop Is a Waterfall dispensam apresentações, mas eu ainda destaco Up in Flames, Major Minus, Up With the Birds, Charlie Brown e Princess Of China que conta com um dueto totalmente inusitado com Rihanna. Esse dueto inclusive, tinha tudo para ser algo terrível, mas ao contrário do que muitos pensam a mistura do R&B da caribenha com o rock melódico dos britânicos deu um toque todo especial a faixa, principalmente pela grande oportunidade de ouvirmos a bela voz de Rihanna sem efeitos esquisitos ou batidas totalmente viradas para o pop eletrônico.

Artista: Kelly Clarkson / Álbum: Stronger / Lançamento: 24 de outubro de 2011

O álbum, Stronger, faz jus ao nome e veio para mostrar que mesmo depois de anos, Kelly Clarkson ainda é forte e totalmente capaz de lançar muitos hits. Confesso que é difícil descartar alguma faixa dessa maravilha, mas ultimamente os meus fones de ouvidos ecoam as já conhecidas Stronger (What Doesn’t Kill You) e Mr. Know It All, além das ótimas Dark Side, Einsten, Hello e I Forgive You.

Artista: Adele / Álbum: 21 / Lançamento: 19 de janeiro de 2011

O álbum já foi lançado há mais de um ano, mas eu e a grande maioria da população mundial ainda não cansamos dessa obra prima cantada pela britânica que atende pelo nome de Adele. Não sou especialista, crítica musical e nada do tipo, mas acredito que 21 tenha feito uma grande revolução na industria musical que há anos está saturada com pop dance, eletro pop e vendas ilegais que estavam acabando com o milionário mercado fonográfico.

Adele chegou de mansinho, mas veio para ficar. Do multi-vendido-premiado-elogiado álbum eu destaco os hits Rolling In The Deep, Someone Like You, Set Fire to The Rain e as deliciosas One and Only, Don’t You Remember, Rumour Has It, Turning Tables e He Won’t Go.

Artista: Beyoncé / Álbum: 4 / Lançamento: 28 de junho de 2011

Sim eu torci o nariz pro CD, eu detestei tudo, não dei atenção… até que um dia sabe-se lá porque decidir dar um chance ao 4 da Beyoncé e tive que morder a língua, porque o álbum é simplesmente maravilhoso! As batidas lembram aqueles R&B antigos, dos tempos  áureos de Whitney Houston, Dianna Ross e Jackson 5. Queen B fez um trabalho maravilhoso e a sensação que eu tenho ao ouvir este álbum é que a música guiou literalmente a sua criação, nada de seguir a moda, as regras, os padrões dos hits atuais… tudo foi muito ousado e… natural!

Das faixas, destaco 1+1, Love On Top, Best Thing I Never Had e o batidão Run The World (Girls).

Anúncios