Heath Ledger

Heathcliff Andrew Ledger nasceu em Perth na Austrália no dia 04 de abril de 1979. Filho de uma professora francesa e um piloto de corridas e engenheiro de mineração, Heath, iniciou a carreira de ator em filmes australianos até 1998, quando decidiu se mudar para os Estados Unidos e prosseguir sua carreira em Hollywood onde ganhou notoriedade.

Heath foi casado com a também atriz Michelle Williams com que teve uma filha, mas infelizmente nos deixou cedo, aos aos 28 anos de idade, e o que é pior: no auge de sua carreira. Como hoje, 22 de janeiro de 2013 completam-se cinco anos da morte de um das maiores promessas do cinema mundial, a tag “cinco filmes de”  será com Heath Ledger – que apesar da vida curta comprovou seu talento com um belíssimo legado no cinema mundial!

Batman – O Cavaleiro das Trevas (2008)

Após dois anos desde o surgimento do Batman (Christian Bale), os criminosos de Gotham City têm muito o que temer. Com a ajuda do tenente James Gordon (Gary Oldman) e do promotor público Harvey Dent (Aaron Eckhart), Batman luta contra o crime organizado. Acuados com o combate, os chefes do crime aceitam a proposta feita pelo Coringa (Heath Ledger) e o contratam para combater o Homem-Morcego”.

Falar de Heath Ledger sem citar o melhor e infelizmente ultimo papel de sua breve carreira, é totalmente impossível. Não tenho nem palavras para descrever o quanto o Coringa de Ledger foi magnifico! Se a trilogia criada por Christopher Nolan já era a melhor da história do Batman, a adição do vilão mais sarcástico, teatral e caótico de todos os tempos fez ainda mais diferença, diferença essa que se deve totalmente ao talento e ao comprometimento do ator que não por acaso ganhou um póstumo Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (em parte pelo seu falecimento, mas prefiro deixar essas artimanhas da Academia de lado e acreditar que o prêmio é um puro reconhecimento à obra de Ledger, porque independente das circunstâncias ele mereceu!).

 Dez Coisas que Eu Odeio em Você (1999)
A situação está tensa na cada dos Stratford. Bianca (Larisa Oleynik) não vê a hora de arranjar um namorado, mas seu pai (Larry Miller) não permite que ela saia com garotos. Após muita insistência, o pai toma uma resolução: Bianca pode namorar, desde que sua irmã, Katharina (Julia Stiles), namore também. Só que Katharina é uma verdadeira megera, que não tem amigos na escola nem em lugar algum. Para resolver a questão, Cameron (Joseph Gordon-Levitt), apaixonado por Bianca, resolve custear Patrick Verona (Heath Ledger) na tentativa de fazer com que Katharina se apaixone por ele”.

Um dos melhores filmes teen de todos os tempos. Foi o primeiro trabalho da carreira Ledger e onde eu tive a oportunidade de “conhecê-lo”. Nem preciso dizer que até hoje o filme e o personagem interpretado pelo ator estão intocáveis no hall dos meus favoritos…

O Segredo de Brokeback Mountain (2005)

Jack Twist (Jake Gyllenhaal) e Ennie Del Mar (Heath Ledger) são dois jovens que se conhecem no verão de 1963, após serem contratados para cuidar das ovelhas de Joe Aguirre (Randy Quaid) em Brokeback Mountain. Jack deseja ser cowboy e está trabalhando no local pelo 2º ano seguido, enquanto que Ennie pretende se casar com Alma (Michelle Williams) tão logo o verão acabe. Vivendo isolados por semanas, eles se tornam cada vez mais amigos e iniciam um relacionamento amoroso. Ao término do verão cada um segue sua vida, mas o período vivido naquele verão irá marcar suas vidas para sempre”.

Um filme que até hoje dá o que falar… Mas vou dizer, é uma obra de arte. Denso, tocante, inteligente e recheado de boas intepretações, o destaque é claro, vai para Ledger que mais uma vez nos dá mostras que era um dos melhores de sua geração!

Não Estou Lá (2007)

Bob Dylan (Christian Bale / Cate Blanchett / Heath Ledger / Marcus Carl Franklin / Richard Gere / Ben Whishaw), ícone musical, poeta e porta-voz de uma geração. Sempre viveu em constante mutação ao longo da vida, especialmente durante os anos 60. Musicalmente, fisicamente, psicologicamente, as alterações do seu personagem público dialogaram com acontecimentos sociais e ocasionaram múltiplas repercussões culturais. De jovem menestrel a profeta folk, de poeta moderno a roqueiro, de ícone da contracultura a cristão renascido, de caubói solitário a popstar”.

Esse filme é totalmente diferente de tudo que eu já vi. Tem atores que eu amo (Christian Bale <3), mas o Bob Dylan de Heath Ledger é um caso a parte. Um filme que merece a atenção, não só pelas interpretações, mas por ser uma declaração de amor a um dos maiores “gênios” da música mundial.

Candy (2006)

Candy (Abbie Cornish) é uma jovem e talentosa pintora, enquanto que Dan (Heath Ledger) é um promissor poeta. Eles se apaixonam assim que se conhecem, divindo também a dependência por heroína. De início Candy e Dan sentem viver no paraíso, mas a falta de dinheiro faz com que eles retornem à realidade. Candy torna-se prostituta, com o consentimento de Dan. Para afirmar sua união eles decidem se casar, mas a dependência das drogas afeta cada vez mais sua felicidade. Até que Candy, cansada de viver no caos, decide se internar em uma clínica de reabilitação e largar de vez as drogas. Só que ela não esperava a reação que sua atitude provocaria em Dan”.

Acredito que seja o mais desconhecido da lista, mas ainda assim não deixa de ser um excelente filme. Algumas cenas chocam é verdade, mas Heath Ledger nos presenteia com mais uma grande atuação que simplesmente “perdoa” qualquer falha que a história apresente.

Anúncios