....

Pode parecer ridículo, mas a essa altura do campeonato ainda tenho várias paixões platônicas. E quando digo isso, tenho certeza que todo mundo, algum dia, já caiu de amores por algum personagem fictício… Seja pelo sotaque perfeito ou pelo sorrisinho malicioso, é impossível ler tantos livros, assistir tantas séries e filmes sem nem ao menos uma vez na vida ter tido um crush por um homem que infelizmente não existe na vida real.

Pensando nisso, resolvi participar de um meme super divertido que descobri no blog da Rafaela, onde a ideia é apresentar os dez personagens para quem eu diria sem pestanejar um alto e sonoro sim no altar. Confesso que não foi nada fácil montar essa lista, mas depois de muito confabular sobre os índices altamente casáveis dos rapazes em questão consegui selecionar dez noivos fictícios que vale lembrar não estão em ordem de preferência.

Neal de White Collar: Neal Caffrey era um famoso falsário e ladrão de artes que acabou sendo capturado e condenado a quatro anos de cadeia. Sim, ele era um criminoso e antes que alguém imagine que eu tenho vocação para ser mulher de malandro, eu explico: Neal cometeu os seus erros no passado, mas é impossível não se apaixonar pelo cara que ele se transformou. Só para começar, faltando meses para o fim de sua sentença ele se arriscou e bolou um plano mirabolante para fugir da cadeia e ir atrás do grande amor de sua vida… É ou não é para casar? Sem contar, que agora, “reabilitado” de sua antiga vida e trabalhando como um consultor do FBI, ele mostra dia após dia que além de LINDO, educado, sofisticado, charmoso e inteligente é extremamente engraçado e super esperto a ponto de sempre ter as melhores sacadas para capturar os antigos coleguinhas que praticam os tais “crimes do colarinho branco”.

Bruce de Batman: Eu sempre tive uma queda imensa por esse cara. Lógico que ter o meu ator favorito interpretando-o no cinema ajudou, mas de alguma forma Bruce Wayne sempre foi uma das minhas maiores paixões platônicas. Batman, sempre foi meu super-herói favorito e acredito que o que mais me “atrai” na personalidade do Bruce é esse senso de justiça que ele tem. Acho que todos nós, se pudéssemos, faríamos algo para mudar as injustiças do mundo, ou pelo menos punir todos aqueles que corrompem a bel prazer e é justamente esse lado tão humano do Bruce que o transforma num ser altamente apaixonante!

Noah de Diário de uma Paixão: Este personagem foi criado pelo Nicholas Sparks. Só esse comentário já dá a noção exata do quanto Noah Calhoun é homem para casar. Sensível, romântico e apaixonado, Noah é aquele cara que sua mãe classificaria com o “genro que eu pedi a Deus” e faria suas amigas perguntarem se ele tem um irmão gêmeo com a mesma personalidade.  Não há como negar que a paixão que ele sente por Allie está acima de qualquer coisa e que ele é capaz de tudo para fazer o bem para a mulher que tanto ama. Assistir ou ler o livro que deu origem a essa belíssima história de amor é pedir para ficar séculos imaginando se algum dia um homem como Noah irá cruzar o seu caminho.

Damon de The Vampire Diaries: Clichezão eu sei. Mas além daquele olhar e aquele sorrisinho de canto de boca, o mais velho dos irmãos Salvatore é um dos personagens com maiores índices casadouros que eu posso imaginar. Por trás da fachada de bad boy, ele esconde uma personalidade romântica, sensível e mega altruísta, porque não basta fazer o possível e o impossível para proteger e aceitar Elena do jeito que ela é. Damon é capaz de abrir mão de muita coisa em beneficio das pessoas que ama, principalmente se essa pessoa for o seu irmão caçula. Ou seja, lindo e super ligado à família, é ou não é para correr pro altar?

Arthur de E Se Fosse Verdade: Se no filme Mark Ruffalo já me fez dar suspiros românticos, no livro que eu li a pouquíssimo tempo fiquei ainda mais encantada com Arthur. Ele faz a linha bom moço e as suas atitudes são tão apaixonadas e apaixonantes que é impossível não sentir uma pontinha de inveja da Lauren! Porque, sério… Que homem seria capaz de se apaixonar pelo espectro de uma mulher em coma e arriscar a própria pele fazendo mil e uma loucuras para proteger essa garota? Lendo assim parece até coisa de maluco, e pode até ser mesmo, mas eu desafio algum ser do sexo feminino (ou masculino) a ler a história do autor Marc Levy e não sentir nem uma vontadezinha de se apaixonar por um Arthur na vida real…

Jesse de Antes do Amanhecer: Desde que pequena sou maluca nesse filme e não importa se estou assistindo essa história pela milésima vez… Jesse sempre parecerá ainda mais fofo! Ele é o tipo de cara com que você poderia passar um dia inteiro conversando na maior naturalidade sobre qualquer assunto. Jesse se interessa pelo livro que você está lendo e seria capaz de escrever um sobre você. E mesmo eu, que sou toda metódica, imagino que teria tido a mesma atitude impulsiva de Celine ao me deparar com aquele cabelo bagunçado e aquele sorrisinho adolescente…

Billy de Jane by Design: Ele não é nenhum “deus grego” e tem cara de menininho, mas eu não reclamaria nem um pouco de ser a melhor amiga do Billy. Mesmo que ainda não tenha percebido (e nem vai perceber porque os amadinhos da ABC Family cancelaram a série) ele é completamente apaixonado pela Jane e talvez por isso seja capaz de fazer de tudo para ajudar a garota em todas as trapalhadas que ela se envolve. Não importa o que pensem ou o que falem, Billy é tão fofo que sempre está lá pronto para dar a maior força para Jane, e isso já seria o suficiente para subir ao altar com ele, afinal de contas, é sorte demais ter um marido, que por consequência é o seu BFF pronto para qualquer parada!

Logan de Um Homem de Sorte: Mais um personagem apaixonante saído da mente fértil de Nicholas Sparks. Pode parecer loucura, mas Logan é capaz de atravessar o país a pé só para encontrar a desconhecida de uma fotografia. Ele gosta de filosofia, é apaixonado por animais e se dá super bem com crianças. Como se não bastasse ele é romântico, sensível e cheio de experiência de vida… Precisa dizer mais alguma coisa? Logan seria o marido perfeito…

Seth de The O.C: Tem como assistir The O.C sem se apaixonar pelo Seth? Já de cara diria que o seu senso de humor seria o suficiente para somar muitos pontos com qualquer garota. Mas é impossível lembrar dele sem falar do quanto Seth “modificou” a visão que muitos tinham dos nerds e de como ele era super fofo com sua paixão por Summer HQ’s e músicas de rock n roll…

Mr. Darcy de Orgulho e Preconceito: Lógico que tinha que ter um britânico na minha lista. Sei que boa parte das bookaholic nutrem uma paixão platônica pelo famoso personagem criado por Jane Austen, mas selecionar dez homens altamente casáveis sem citar Fitzwilliam Darcy seria um crime! Ele é educado, sofisticado e embora não demonstre possui um coração de ouro. Entretanto, acredito que o que me deixou mais encantada com esse personagem, foi o simples fato dele ter uma teimosia personalidade bem parecida com a minha… De certa forma assim como Lizzie Bennet parece perfeita para ele, encontrar um Mr. Darcy na vida real seria como encontrar a minha verdadeira alma gêmea!

Menções Honrosas: Edgar de Lado a Lado, Matt de De repente 30, Carson de Souvenir e Patrick de Dez Coisas que Odeio em Você.

Bom, por mais adolescente que esse post possa parecer fique extremamente animada em realiza-lo porque por mais que um dia eu encontre uma paixão real com quem eu realmente queira me casar, acredito que sempre vou ter os livros, as séries e os filmes como uma rota de fuga da realidade. Pensem o que quiser, mas sempre vou ser uma eterna sonhadora que é boba e romântica o suficiente para se encantar com personagens e histórias fictícias…

Anúncios